segunda-feira, 16 de maio de 2011

“Espelho Da Verdade”

logo1Romanos 12:3 - Porque pela graça que me é dada, digo a cada um dentre vós que não pense de ‘si mesmo além do que convém’; antes, pense com moderação, conforme a medida da fé que Deus repartiu a cada um.

Paz do Senhor seja sobre todos. Desejo hoje compartilhar algo de Deus para nossa vida cristã.

Gosto muito de palavras de bênçãos e promessas, mas o que muda nossa conduta e transforma nosso caráter dando um polimento em nossos corações e limpando nossas mentes é o ensino e a correção.

Neste rico capítulo da Bíblia o apóstolo Paulo fala sobre o corpo, seus membros e a utilização devida dos dons espirituais na igreja (corpo de Cristo). Entretanto, olhando para este versículo, encontramos um ensinamento muito rico. Em suas palavras o apóstolo diz: ‘que não pense de si mesmo além do que convém; antes, pense com moderação’. Na Tradução NVI (Nova Versão Internacional) a escrita é mais objetivo ainda, pois ela diz: ’ ninguém tenha de si mesmo um conceito mais elevado do que deve ter; mas, pelo contrário, tenha um conceito equilibrado’.

Vivemos dias onde o culto pelo ‘eu’, as concupiscências da carne e dos olhos, a soberba da vida e as vaidades do coração tornaram-se comum e normal em meio a uma humanidade sem Deus e sem princípios bíblicos, tendo como resultado uma sociedade sem valores éticos e morais, em lares doentes e famílias infelizes, em jovens doentes no caráter e emocionalmente.

Triste é saber que muitos ‘cristãos’ estão indiferentes a esta verdade atual e até deixando ser levado e contaminando-se pelos valores impostos pelo sistema. ‘Irmãos’ que vivem e pensam de si além do que convém, tendo de si mesmo um conceito mais elevado, onde a soberba e a arrogância tem sufocado a humildade e a moderação.

Sansão era uma nazireu, homem separado desde o ventre para servir a Deus, mas caiu na vaidade e na desobediência e perdeu ‘suas forças’, pois pensava além do que convém. Pedro, quando designado para ir à casa de Cornélio reluta em meio a uma visão de Deus dizendo que ‘jamais havia comido coisa alguma imunda’, pois era contrário as práticas e leis judaicas entrar na casa de um gentio. Em outras palavras, Pedro pensava além do que convém, pois o mesmo Pedro já havia ouvido dos lábios do próprio Mestre que Ele veio para salvar o ‘mundo’ e não para julgá-lo. Tanto Sansões como Pedro alcançaram as misericórdias e o favor de Deus após o arrependimento, a humilhação e submissão à vontade do Eterno.

Olhemos agora para o ‘espelho da verdade’, para nós mesmos e achamos o que? Damos honra a quem merece a honra, ou ficamos inseguros? Preferimos em honra nossos irmãos? Nossa atenção é para todos ou apenas ficamos perto dos irmãos que possuem uma condição financeira mais favorecida? Visitamos sem fazer acepção todos os membros da igreja? Gostamos quando alguém faz melhor aquilo que nós deveríamos ter feito ou ficamos inconformados? Alegramo-nos com as bênçãos e as vitórias dos irmãos ou sentimos inveja? Estendemos as mãos quando alguém esta prestes a fracassar ou damos um empurrãozinho antecipando a derrota? Regozijamos quando o filho pródigo volta ou ficamos enciumados? Quando alguém está caído, oferecemos compaixão ou damos açoites e julgamos? Em outras palavras, pensamos que somos mais merecedores e dignos que outros, ou agimos com moderação e de maneira equilibrada?

Amados e queridas em Cristo, que Deus possa olhar dentro de nós, no mais profundo de nosso ser e encontrar um coração sincero e limpo, e uma mente pura e honesta, pois para Ele nada fica encoberto.

Como diz Paulo: ‘ Ora, o fim do mandamento é o amor de um coração puro, e de uma boa consciência, e de uma fé não fingida’ (I Timóteo 1:5).

Humildade é uma virtude a ser cultivada em nosso caráter dia a dia!

Que o Senhor resplandeça seu rosto sobre todos nós!

Evangelista Cesar Augusto A. Tucci

ICPB - Ministério Porta da Vida / Sede

Rua Francisco Lopes, 128

Santa Felícia - São Carlos - SP

Email: evangelistacesar@hotmail.com

Email: cesartucci@gmail.com

Nenhum comentário: